Notícias

SEGURO RESIDENCIAL. COMO ESCOLHER?

Fonte: Site Espaço Sompo Seguros

Link: http://seguros.sompo.com.br/6-dicas-de-como-escolher-um-seguro-residencial

"Decidi contratar um seguro para minha casa/apartamento". Mas e agora? Se você não sabe por onde começar, comentaremos aqui os critérios que devem ser avaliados no momento da escolha do seguro ideal!

Veja seis dicas de como escolher seu seguro residencial.

1. Conheça suas necessidades

O seguro residencial oferece diversas coberturas, justamente para atender as necessidades específicas de cada segurado. É possível personalizá-lo da forma que desejar! Por exemplo, se a sua residência estiver localizada numa região onde houver rios, córregos e bueiros de concentração de esgoto, entre outras variáveis que envolvam o risco de ocorrer inundação ou alagamento, seria interessante contratar a cobertura de Alagamento e Inundação.

Essa é uma das diversas situações que precisam ser consideradas para ajudá-lo a escolher as coberturas mais adequadas para o seu imóvel. Aproveite para relembrar algumas das garantias oferecidas pelo seguro residencial: 5 coisas que você não sabia sobre a segurança dos seus bens.

2. Faça a melhor combinação entre as coberturas básicas e adicionais

Ao contratar um seguro residencial, algumas coberturas, conhecidas como básicas, já estarão presentes na sua apólice. São elas: incêndio; queda de raio que danifique diretamente os bens segurados; explosão e implosão de qualquer natureza e origem. Mas então, o que queremos dizer quando falamos de personalização? Estamos falando das coberturas adicionais. São elas que, quando combinadas às básicas, tornam o seu seguro único e mais adequado às suas necessidades. Para ficar mais claro, vamos citar algumas situações:
Se você mora numa região com alta incidência de furtos e roubos, é possível contratar, junto à cobertura básica, a adicional de Roubo/Furto qualificado.

Se em sua residência trabalha uma empregada doméstica, é uma boa opção contratar os adicionais de Responsabilidade Civil Familiar, Responsabilidade Civil Empregados Domésticos, Fidelidade de Empregados Domésticos, Danos Elétricos/Eletrônicos curto circuito.

Se você possui animais de estimação, seria interessante avaliar a contratação do seguro de Responsabilidade Civil Familiar.

Para entender melhor as especificações das coberturas adicionais, leia também “10 coisas sobre um seguro residencial que você não sabia”.

3. Opte por uma seguradora com experiência e credibilidade no mercado

Este é um fator de extrema importância. Ao escolher a seguradora, leve em consideração a sua posição no mercado, se é confiável e reconhecida.

4. Entenda a sua apólice de seguro

É fundamental ler a apólice do seguro cuidadosamente. Só assim você saberá exatamente o que está sendo contratado. Esse é o momento de solucionar todas as suas dúvidas e de entender tudo o que foi acordado com a seguradora. Conte com a importante ajuda do seu corretor de seguros para essa tarefa.

Fique atento aos dados contidos na apólice: dados cadastrais, dados do risco, relação das coberturas contratadas, valor das I.S (importâncias seguradas), franquias e/ou participações obrigatória do segurado, condições de pagamento e data de vigência.

5. Procure um corretor de confiança

O corretor vai te ajudar a adequar a contratação do seguro da sua casa de acordo com suas principais necessidades. Certifique-se de que o profissional escolhido é credenciado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep).

6. Escolha a melhor seguradora

Faça uma pesquisa aprofundada e procure verificar quais as coberturas adicionais e serviços diferenciados que a seguradora ofereceinforme-se antes de tomar uma decisão.
Esperamos que este guia tenha esclarecido suas dúvidas e ajudado na escolha do melhor seguro para sua casa!

X